Campanha: Brasil saiba quem é o Bombeiro Civil

Campanhas

“Bombeiro ou Bombeira é a pessoa em condição civil ou militar, que com formação para tal, exerce a profissão em ações de prevenção e resposta a emergências em atendimento público ou privado, em municípios, empresas e comunidades, em serviço remunerado ou voluntário em todas as áreas e formas de exercício da profissão, limitando sua atuação a sua segurança, ao seu nível técnico, conhecimentos e perícia, aos equipamentos, recursos e meios disponíveis, conforme os protocolos e responsabilidades que lhe são atribuídos e respaldados por seu empregador dentro dos preceitos do exercício da profissão”

 O entendimento desta definição é essencial para combater as desinformações sobre a pessoa em condição civil que exerce a profissão de bombeiro, também conhecido como:

Bombeiro civil, bombeiro industrial, bombeiro de aeródromo, bombeiro voluntário, bombeiro municipal, bombeiro comunitário, e outras definições que são variações ou distorções de um mesmo e único profissional.

Há propagação de desinformação sobre a profissão de Bombeiro exercida por civis em nosso país, feitas por alguns grupos que ou são mal informados ou agem de má-fé mesmo, a fim de promover alguns e denegrir outros, discurso comum alguns em corporações militares de alguns estados.

Vale perceber que não há nenhuma atividade de bombeiro que seja exclusiva de um único grupo, todas as atividades de Bombeiro seja em prevenção ou reposta a emergências são universais a quem exerce a profissão.

Vale saber que no País bem há civis atuando em serviços de Bombeiros públicos exercendo todas as  atividades incluindo vistorias para emissão de autos e outros, então a questão não é haver ou não atividade exclusiva de bombeiro militar, pois não há atividade de bombeiro que seja exclusiva de tal grupo, a questão é a pessoa que exerce a profissão ter ou não tal responsabilidade conforme seu empregar lhe atribui.

Por exemplo, um policial militar ou militar estadual em função de bombeiro lotado em um município, tem prerrogativas exclusivas de sua condição de militar estadual ou de policial militar estadual, mas todas as atividades de prevenção e resposta a emergências relacionadas a atividade de Bombeiro não lhe são exclusivas, incluindo atendimento público, vistoria técnica e fiscalização.

Basta que o civil que exerce a profissão seja contratando pelo município ou por associação de bombeiros voluntário conveniada ao município e este município lhe atribua estas competências, como é comum nos Corpos de Bombeiros Civil Municipais e nos atendimentos a desastres e catástrofes.

Recentemente no atual maior incêndio do País em Santos houve mais de 100 bombeiros civis vindos de várias cidades em trabalho junto ao mesmo número de bombeiros da polícia militar, em Porto Velho-RO dezenas de bombeiros civil trabalharam junto a Defesa Civil em socorro as vítimas das cheias do Rio Madeira, corporações militares estaduais exploram mão de obra bombeiros civis em atendimento público ao promover bases comunitárias a fim de suprir sua falta de efetivo.

Logo, dizer que há função exclusiva de bombeiro militar é uma inverdade usada de forma grosseira a fim de induzir autoridades e a sociedade a erro de entendimento quanto a profissão de bombeiro quando exercida por civis.

Bem entender esta definição combate o preconceito, a descriminação e até a perseguição que muitos profissionais e serviços de Bombeiros “civis” sofrem em todo País.

Conheça, entenda, adote e divulgue esta definição da profissão, vamos combater a desinformação e o preconceito.

A profissão de Bombeiro é um patrimônio da humanidade, todos somos responsáveis por sua defesa e desenvolvimento.

Ivan Campos, Presidente CNBC
Bombeiro nível 3 - CNBC 010001

Cartaz da campanha:

brasial saiba quem tumb